41 3362-9438 41 3362-9595 41 99125-9595

A peça conta a história de Leo, um menino muito criativo e sensível. Por algumas pessoas é visto como "diferente". De sua cabeça saem brincadeiras, invenções, expressões e muitas memórias que ele precisa guardar. 

-

La obra cuenta la historia de Leo, un niño muy creativo y sensible. Algunas personas lo ven como "diferente". De su cabeza surgen bromas, inventos, expresiones y muchos recuerdos que necesita guardar. 



Guardar para lembrar tudo que ele não quer e não pode esquecer. Para não perder nada, nenhum instante sequer, Leo amarra tudo em fios e fitas, tudo bem atado, por nós, em imensos cordões. A partir deste enredo, sugerem-se várias reflexões: Quais sentimentos conseguimos amarrar? E quais queremos? A partir desses nós, Léo nos contará a sua história. Será, esse fio, a linha da vida?

O Menino que Amarrava Tudo nos convida a embarcar no mais profundo. No "dentro de nós".

Assim, o tema central da peça se encaminha para sublinhar a necessidade do respeito, especialmente, à diversidade. Nas entrelinhas se estimula também outros valores como o afeto, a empatia, a criatividade e o uso da imaginação.

Equipe Técnica

Direção e Coreografias: Letícia Guimarães

Dramaturgia: Letícia Guimarães, em processo colaborativo da equipe, a partir do livro de Guga Cidral

Cenografia: Blas Torres e Élio Chaves

Iluminação e Figurinos: Rayssa Gualberto

Fotografia e assessoria de imprensa: Isabelle Neri

Sonoplastia, composição e direção musical: Karla Izidro

Elenco: Fernando Bento, Juliana Cordeiro, Heloisa Giovenardi e Ana Sercunvius

Uma realização da Céu Vermelho em parceria com a Cia. do Abração
 

----
 

EL NIÑO QUE AMARRABA TODO
 

La obra cuenta la historia de Leo, un niño muy creativo y sensible. Algunas personas lo ven como "diferente". De su cabeza surgen bromas, inventos, expresiones y muchos recuerdos que necesita guardar. Guardar para recordar todo lo que no quiere y no puede olvidar.

Para no perder nada, ni un solo momento, Leo ata todo en hilos y cintas, todos atados fuertemente por NODOS, en enormes cordones. A partir de esta trama, se sugieren varias reflexiones: ¿Qué sentimientos podemos amarrar? ¿Y cuáles queremos? A partir de estos nodos, Leo nos contará su historia. ¿Es este hilo la línea de la vida?

El Nino Que Amarraba Todo nos invita a embarcarnos en lo más profundo. En el "nuestro adentro".

-

Histórico do espetáculo:

Este espetáculo foi aprovado pela lei Municipal De Curitiba - Edital Mecenato Subsidiado, produzido em parceria com a Céu Vermelho Produções e teve sua estreia em setembro de 2019, na sede da Cia. do Abração, realizando 18 apresentações, e 2 apresentações no Teatro EBANX Regina Vogue.

Após a estreia, apresenta-se, no FETECO em Guarapuava/PR.

No mesmo ano recebeu 7 indicações ao Troféu Gralha Azul  – Prêmio Governador do Estado do Paraná – Premiação aos profissionais de teatro do Paraná nas categorias: Melhor Direção Espetáculo Para Crianças, Melhor Espetáculo Para Crianças, Melhor Ator Espetáculo Para Crianças, Melhor Atriz Espetáculo Para Crianças e Melhor Figurino.